Ter boas rodas é essencial para garantir um bom desempenho no ciclismo, afinal são as rodas da bicicleta que sustentam o peso do ciclista e transmitem a sua potência. Neste artigo vamos explicar as diferenças entre as rodas, para que possas escolher a tipologia mais adequada ao teu estilo de pedalada.

Há uma infinidade de tipos de rodas disponíveis no mercado, e às vezes escolher entre elas pode ser complicado, principalmente se não estiveres informado sobre as diferenças e os benefícios de cada uma.

As rodas de uma bicicleta são elementos cruciais, pois sustentam o peso do ciclista e transmitem a sua potência por estarem em contacto com o chão. Também são as responsáveis pela travagem, por dar tração ao pneu e por permitir que o ciclista pedale em vários tipos de terreno com o mínimo de desconforto.

 

Tipos de rodas de bicicleta de estrada

Se queres melhorar a tua performance na estrada, deves conhecer os tipos de rodas que existem e quais são as mais adequadas para as tuas características. Os tipos de roda podem ser classificados de acordo com o tamanho dos seus aros.

O tamanho dos aros é importante porque, além dos aspetos mencionados, como a capacidade de travagem, há tipos de pneus que só podem ser utilizados numa determinada parcela de tamanhos, ou melhor, de larguras.

Existem, basicamente, três tipo de aros, e cada tamanho de largura tem as suas vantagens específicas.  Os tamanhos devem ser avaliados de acordo com o perfil de cada ciclista.

 

Aros de perfil baixo (shallow)

A altura é de até 25 mm. São os tipos de roda mais usados, são adequados a todos os tipos de bicicleta e necessidades. Permitem um considerável nível de força e uma pedalada confortável para o ciclista. Também são utilizados estes tamanhos nas rodas de alta performance para montanha, com menor peso e menor exposição ao vento.

Aro de perfil intermediário (mid)

A altura está entre 25mm e 40mm. Traz ganhos em termos aerodinâmicos, e é muito bom em terrenos com grandes inclinações. Tem se tornado cada vez mais popular devido a junção dos benefícios aerodinâmicos a rodas leves. Um todo o terreno equilibrado em todos os aspetos.

Aro de perfil alto (deep)

A altura é superior a 40mm. É o modelo mais indicado para quem procura muita velocidade e treina em terrenos planos, pois a sua construção aerodinâmica está mais voltada para isso.

Antes de escolher um dos três tipos de aro, é importante que o ciclista se questione onde e como pelada para que a escolha seja a mais adequada ao seu perfil. Ciclistas que procuram principalmente velocidade e treinam basicamente em terrenos sem inclinações, podem optar pelo aro de perfil alto. Para os ciclistas que se dedicam a terrenos com grandes desníveis e procuram roda leves, o aro intermediário é uma boa opção. Já os ciclistas que procuram aros versáteis para qualquer tipo de necessidade e bicicletas, podem adquirir aros de perfil baixo.

Autor: Tiago Torres, Segredos do Ciclismo